Olha só, eu tava conversando com o Eugen, também editor aqui do ProcrastiNATION ontem sobre essa ideia que eu já tava enrolando a um tempo pra fazer. E como eu já tinha feito uma pesquisa antes, eu resolvi começar então essa nova série por aqui.

Como todo mundo sabe e como eu já falei um monte de vezes por aqui, eu amo a Disney. Tanto os filmes, como as animações, os parques, e claro que se você acompanha o ProcrastiNATION você sabe muito bem disso certo?

Pois bem, há um bom tempo eu fiz um post que até hoje faz um belo sucesso, onde eu listava os 15 vilões mais cruéis das animações da Disney. Mas eu acho que a gente sempre pode se aprofundar mais, então, como todo bom nerd, vamos conhecer melhor esses vilões e outros que não estão na lista. E quem melhor pra começar essa série, do que Scar, de O Rei Leão.

Vida longa ao rei!

O pior dos irmãos, matador de reis, manipulador, frio e calculista. Scar é o tio de Simba, irmão do Rei Mufasa e um puta cara sinistro, que apareceu pela primeira vez em O Rei Leão, 32º longa metragem animado da Disney. Sua inveja e ressentimento por não ser o herdeiro da selva e da Pedra do Rei, levaram o leão a armar um plano para eliminar o próprio irmão e o sobrinho, para aí sim, reinar sobre toda a selva. Com a morte de Mufasa e o sumiço de Simba, o caminho ficou livre para a sucessão e Scar se tornou regente. Pelo menos até Simba voltar e recuperar o trono e final feliz, blá, blá, blá.

Porquê Scar? Esse é o nome mesmo?

De acordo com o livro infantil “A Tale of Two Brothers” não. O nome dele mesmo é Taka. Príncipe Taka, como era conhecido o filho do rei já havia tentado aprontar pra cima do irmão, Mufasa, quando ainda eram jovens. Como ele é um tanto arrogante e um tanto incompetente, o incidente acabou deixando uma cicatriz grande na sua cara. E é por causa desse incidente e tentativa fracassada de diminuir o irmão, que ele adotou o nome de Scar (cicatriz em inglês e em Swahili significa “sujo” ou “lixo”), para não se esquecer do que aconteceu. E claro, para alimentar ainda mais ódio, ressentimento e inveja pelo irmão.

Com ar Shakespereano, a concepção do personagem bebe de várias fontes. Como Rei Leão é muito semelhante à peça Hamlet, de Shakespeare, a referência óbvia é o Rei Claudius. Mas também podemos reconhecer uma dose de influência de Macbeth e até de Iago (presente na obra Othelo). Mas nem só do poeta inglês veio a inspiração para o felino: Outras figuras como o Rei Ramsés II e até Adolf Hitler, foram influência no caráter psicológico do personagem. Resumindo: É um catado de vilões fortes e essa mistura resultou em um vilão excelente e inesquecível.

Mas além das características psicológicas e do visual, o personagem precisava de uma voz que pudesse traduzir tudo isso em cada fala. O cast original era Tim Curry, infelizmente o ator não pode aceitar, por causa das gravações de Esqueceram de Mim 2 e como há males que vem para o bem, o papel foi para as mãos de Jeremy Irons, que foi perfeito no papel. Claro que Rei Leão é um enorme acerto, com outras vozes como a de Mufasa, originalmente dublado por James Earl Jones (que também foi o Darth Vader) só para citar um exemplo.

Tim Curry à esquerda e Jeremy Irons à direita na foto

É difícil escolher um vilão só quando alguém faz uma lista ou pergunta qual é o meu preferido. Mas se o Scar não está no topo da lista, ele chega bem próximo. E nem conta pra ele, por que senão é capaz de ele querer eliminar quem estiver na frente. Um leão, com aquela aparência, uma voz hipnotizante, ódio, ressentimento é muito difícil de bater. Outro ponto que não pode ficar de fora é a música tema. Quantos vilões você conhece que tem uma musica tema assim:

Mas como nem tudo é perfeito, após bolar um plano quase perfeito, seu fim é trágico. Após causar uma debandada só para levar ao “acidente” que mataria seu irmão, o Rei Mufasa, Scar ainda elimina Simba, mandando que ele fugisse, na esperança de que as inclemências da selva cuidassem de eliminar o sobrinho. Mas após um bom tempo de facismo, tirania e um governo com mão de ferro, Simba retorna, já adulto para tomar o seu lugar de direito, a Pedra do Rei, que um dia foi um lugar próspero, mas nas mãos de Scar se tornou praticamente um deserto.

Tem gente que é assim, não importa que ponha fogo em tudo, ela ainda sim quer reinar sobre as cinzas. Scar é o exemplo perfeito disso.

Após o confronto das leõas contra as hienas e dele próprio com Simba, Scar acaba sendo assassinado pelas hienas, que até então eram suas aliadas, mas que ele considerava apenas como os buchas que fazem o trabalho sujo, por que afinal de contas um personagem assim acha, na sua arrogância, que ninguém é tão importante quanto ele mesmo.

No fim amiguinhos, fica a lição: Não basta querer ser rei e achar que é só dar ordens e usar uma coroa. Scar aprendeu na pele, quase acabando com tudo, matando o irmão, quase matando o sobrinho, apenas por que ele queria reinar.

Onde Encontrar?

Gosta do Scar mas só assistiu ao Rei Leão? Ah rapaz, você ainda pode conferir outras aparições dele em Rei Leão II: O Reino de Simba (The Lion King II: Simba’s Pride), O Rei Leão 3: Hakuna Matata (que sabe se lá por que, no original é The Lion King 1 1/2) e também em A Guarda do Leão (The Lion Guard: Return of the Roar).

Além de tudo isso ele ainda faz uma aparição em Hércules, aparições na TV nas animações Timão e Pumbaa, House of Mouse e The Lion Guard, nos games em Kingdom Hearts II, Epic Mickey, Disney Crossy Road, no jogo baseado no filme original, The Lion King, The Lion King: Simba’s Mighty Adventures e Disney Tsum Tsum. E claro que eu não ia esquecer também a peça da Broadway, onde Scar foi interpretado por John Vickery.

Nos parques da Disney é relativamente fácil encontrar todo tipo de merchandising do Rei Leão e claro, de Scar, mas ele também está presente em alguns shows e atrações. A melhor de todas é no show noturno do Hollywood Studios, Fantasmic! onde ele e outros vilões se unem para derrotar o Mickey. Outras atrações incluem ainda World of Color, Sorcerers of the Magic Kingdom, The Legend of The Lion King, Villains Tonight e no novo show de noturno do Magic Kingdom, Happily Ever After.

E aí? Curtiu? Fala pra gente qual vilão você quer conhecer de perto a seguir!

 

Deixe uma resposta