Com esse título você sabe sobre o que é o post de hoje. Sim, palhaços. Aqueles seres que tem como profissão: passar vergonha, se humilhar e tentar fazer você dar risada (este último sempre em vão, diga-se). E o palhaço é uma figura muito peculiar pra mim, chega a ser melancólica aquela maquiagem, aquela atitude, eu acho até um pouco assustador.

Sempre tive a impressão que a qualquer momento durante uma festinha, enquanto as crianças não riem das palhaçadas que aquele pobre coitado está suando pra fazer, o sujeito vai abrir a fantasia sacar uma granada, uma submetralhadora e um pacote cheio de tristezas pras famílias daquelas crianças. Pelo menos meu roteiro de filme de terror seria assim.

E por falar em filme de terror, eu resolvi relacionar abaixo alguns dos palhaços mais assustadores das telas, seja de cinema ou série. Resolvi fazer uma lista com 7 palhaços porque eu acho que o número 7 combina com palhaços. E eu não faço a menor ideia do porque eu acho isso.

#07 – “Gurdy” do filme 100 Tears (2007)

p-500-500-gurdy-100tears2

Essa é a história de um palhaço triste (ah vá). Gurdy foi acusado de estupro e está sendo perseguido por isso. Ele jura inocência e, para fazer justiça, ele paga um bom advogado e aguarda calmamente em sua casa pega um cutelo gigante escrito “justiça” e sai fatiando geral. Esse é um filme de terror trash (ah vá²) composto por muito sangue, vísceras e pedaços de corpos espalhados por todos os lugares.

#06 – “TheLaugh” do filme Diversão Macabra (2008)

p-500-500-the-laugh-diversãomacabra

Não me assustou muito, porque tem o fator máscara. Isso quebra um pouco aquele lance da pintura que eu falei lá no começo do post. The Laugh é um palhaço “perverso-zuerão”: ele prende moças em cômodos que as paredes vão diminuindo, persegue as pessoas com caminhões e outras brincadeiras, digamos, sangrentas, só pra dar aquela brincada saudável com a galera. Talvez ele seja fã do Jigsaw.

#05 – “Twisty the Clown” da série American Horror Story – Freak Show (2014)

p-500-500-twisty-clown

Sempre com esse sorrisão hein, cara?! Que alegria de viver! Twisty faz parte da 4ª temporada de AHS e aparece com certa frequência nos episódios. A história dele é que quando criança ele foi jogado de cabeça no chão, o que resultou uma leve (entenda como queira) deficiência mental. A máscara de sorrisão é para esconder o estrago do tiro de espingarda que ele próprio disparou numa tentativa de suicídio. Um fofo.

#04 – “Mervo” do filme Blood Harvest (1987)

mervo

O filme retrata uma pequena cidade do interior dos USA, totalmente devastada. Sem recursos, sem esperanças, com pessoas desaparecendo, mas mesmo assim nosso querido Mervo continua como na foto. Sorrindo como se não houvesse amanhã. Não surpreendentemente as pessoas começam a “aparecer” com as gargantas cortadas. Seria Mervo o real assassino? Não sei, nunca vi o filme e nunca vou ver. Nem preciso dizer o fracasso de bilheteria que foi essa produção, ou preciso?

#03 – “Palhaço designer de sombrancelhas” do filme Badoet (estreia em novembro de 2015)

p-653-323-badoet-indonesian

O filme nem saiu e eu já tô cagado de medo. Sério, olha a cara desse maluco. Badoet é um longa da Indonésia em que retrata uma tragédia que atinge um complexo de habitações em Jacarta, onde três crianças são encontradas mortas. Aí, o que os moradores fazem: ligam pra polícia? Pro FBI? Pro Padre Quevedo? Não, eles mesmos vão atrás de investigar, claro. Sempre é o mais sábio a se fazer. Se liga no trailer:

#02 – “PAI-lhaço” do filme Clown (2014)

p-620-253-clown

O filme, produzido por Eli Roth (O Albergue), conta a história de um pai que se veste de palhaço para o aniversário do filho. Mas esse pai é acometido por uma maldição que não o deixa mais tirar a fantasia e ele começa então, a cometer assassinatos. O interessante é que esse filme surgiu de uma brincadeira. Em 2010, Jon Watts fez um vídeo zuando os filmes de terror. E, a ideia dele era lançar um fake-trailer chamado Clown, como se o diretor fosse Eli Roth. E não é que o Elizão gostou da ideia?

#01 – “Pennywise” do filme It (1990)

p-520-293-IT

O que dizer deste camarada tão simpático? O filme é uma adaptação do livro homônimo de Stephen King, que conta a história de uma cidadela que foi aterrorizada por um ser que passou a ser chamado de “a coisa”. A principal fonte de vítimas eram as crianças, sempre elas, e “a coisa” se apresentava como o palhaço Pennywise. Sério, eu gosto desse palhaço. Porque quando você olha pra ele, você não acha que ele vai te matar. Você tem certeza.

Vem cá, conta pro tio, do que você tem medo?

Espero que gostem, porque deu um trabalho do cacete pra fazer. Se não gostarem eu vou mandar a gangue do palhaço dentro de uma Kombi na casa de cada um de vocês.

About The Author

Comediante, redator e roteirista. Trabalha em agência de publicidade desde 2010 e está na comédia desde 2012. Mesmo sendo eu que esteja escrevendo isso aqui, prefiro falar em terceira pessoa, para parecer que alguém mais importante escreveu pra mim. Ironia, sarcasmo e um pouco, mas bem pouco mesmo, de nerdice. Assino o blog assediosmoraes.wordpress.com LEMA: Nome no SERASA é igual DST: você não quer, mas sabe que um dia sua hora vai chegar.

Related Posts

Deixe uma resposta