Sempre sonhamos em ver nosso heróis em ação fora das HQs. Os filmes e séries mais antigos não faziam jus ao quão incríveis eles eram nos quadrinhos e isso começou a mudar com a trilogia de Batman dirigida pelo Christopher Nolan e com o Marvel Cinematic Universe. De 2012 pra cá, vimos nosso heróis ganhar séries dedicadas, primeiramente com Arrow, a qual super recomendo, e posteriormente Flash e Gotham. Mais recentemente a Marvel entrou nessa com o incrível seriado do Demolidor.

Falando de games, tivemos um divisor de águas em 2008 quando a Rocksteady apresentou Batman: Arkham Asylum, trazendo um universo completamente diferente em termos de jogos de heróis. Em 2011, tivemos a continuação com Batman: Arkham City, que agora ampliava a atuação do Homem-Morcego colocando-nos para controlá-lo em Gotham City. Em 2013 tivemos Batman: Arkham Origins, mas este não fez muito sucesso, além de ter sido desenvolvido e distribuído pela Warner Bros.

No último dia 23 Batman: Arkham Knight às prateleiras de todo o mundo, com a promessa de encerrar a trilogia da Rocksteady. Eu já garanti o meu, mas como ainda estou vivendo em Novigrad procurando a Ciri, ainda não comecei. De qualquer jeito, a Rocksteady mostrou que sabe fazer jogos de heróis, e creio eu que está na hora de ela ampliar essa gama, seja com a Marvel ou DC.

Nesse post, separamos 5 heróis que deviam vir para os GUEIMS pelas mãos da Rocksteady, será que você concorda? Então pega um lanchinho e bora!

5. Arqueiro Verde

POST_GreenArrow

Oliver Queen sempre figurou entre os heróis mais secundários, correto? Nunca esteve no pelotão de frente da DC, mas com o recente sucesso da série Arrow, a qual voltará para a Season 04 em 7 de Outubro, e com a popularidade de jogos que envolver Arco e Flecha, me surpreende que ninguém tenha mostrado interesse em trazer Ollie para o mundo digital.

Não acredito que deveria seguir exatamente a mesma linha da série, porque aí ja saberíamos o que acontece, mas seria muito legal ter uma porta de entrada nesse universo que de certa forma cruza com o do Batman, o que acaba sendo mais um motivo para que a Rocksteady invista no herói.

Jogos de sobrevivência em ilha já temos alguns, como Far Cry e Tomb Raider, mas se o estúdio americano desse aquele tapa na história, aposto que coisa boa sairia.

Outra coisa que joga a favor de Oliver Queen nos games, é a quantidade de DLCs que poderia ter, pois só de personagens coadjuvantes temos a Canário Negro e Arsenal como os mais relevantes.

4. Mulher Maravilha

POST_WonderWoman

Recentemente tivemos o anúncio de que Gal Gadot irá viver a amazona mais badass dos quadrinhos, nas telonas. Como o alter ego da Princesa Diana de Themyscira figura entre os heróis mais famosos da DC Comics, seria extremamente natural se a Rocksteady resolvesse apostar na semideusa como próxima franquia.

Seria muito interessante explorar a tão rica mitologia grega controlando essa personagem, pois o universo é tão vasto que permitiria até criar histórias novas para a heroína, deixando um pouco de lado o enredo abordado nos quadrinhos e nos filmes.

3. Homem-Aranha

POST_Spider

Ok, vamos deixar uma coisa bem clara: desde a geração do PS3 e X360, estamos carentes de um jogo bom do Aranha, né? Os jogos da franquia Amazing Spider-Man são horrorosos! Desenvolvidos pela Beenox, eles parecem que foram feitos com o objetivo de atingir um publico mais infantil, de tanto que o jogo favorece o jogador em suas ações.

Infelizmente, os laços da Rocksteady são mais estreitos com a Warner, que é dona da DC, e a chance de vermos Peter Parker em um jogo de respeito, pelo menos pelas mãos deste estúdio, são baixas. Então Disney, se vocês estiverem lendo este post, aproveita que comprou a LucasArts e usem para um jogo decente deste herói, que é um dos meus favoritos!

2. Demolidor

POST_Dare

A recente série exclusiva da Netflix trouxe à tona outro super-herói que nem sempre esteve entre os principais da Marvel.

O advogado ceguinho que protege Nova Iorque à noite agindo como um vigilante, é uma ótima pedida para um game de sucesso. Acredito que mesclar as “duas vidas” dele também seria uma idéia bacana, dando um clima mais de mistério ao jogo.

Ele também é um herói que possui uma narrativa mais carregada, mais pesada e parecida com a do Batman. Um tom mais sombrio ao estilo do Frank Miller cairia muito bem em uma história de Matt, e a Rocksteady não precisa mais provar que sabe fazer jogos densos.

1. Superman

POST_Superman

Se a Rocksteady quiser se firmar como produtora de jogos de heróis, eu apostaria que Clark Kent seria o próximo. Ele tem uma popularidade tão grande quanto a do Batman e universo gigante.

Por não ser um vigilante propriamente dito como Homem-Morcego, talvez esse seja o game mais difícil de fazer em termos de enredo, mas é ai que a Rocksteady se sai bem.

Eu não sou o maior fã desse herói, aliás, até desgosto bastante dele, mas foi a série Arkham que me fez mergulhar no universo de Bruce Wayne, então nunca se sabe o milagre que a Rocksteady poderia operar.

 

E aí? O que acharam da lista? Claro que temos muitos heróis com histórias incríveis que poderiam virar games, mas se você tivesse que escolher 5, quais seriam? Deixem sua lista nos comentários!

Deixe uma resposta