Esse post vai especialmente pra você que ama a Netflix (quem não ama, NETFLIX, SUALINDA <3), mas que também ama quadrinhos. Imagina aí um serviço de streaming de quadrinhos. É isso e é realidade! O Social Comics é o primeiro serviço de quadrinhos do país e uma das grandes atrações da CCXP 2015. Além de um estande bacanudo, a empresa participou de um painel na quinta-feira às 12h30 no Auditório Prime e revelou algumas novidades e lançamentos que irão rolar ao longo de 2016. Dá só uma olhada:

Conteúdo Exclusivo Social Comics

Um dos objetivos do Social Comics é fomentar a indústria nacional de HQ’s, com o lançamento de várias obras em formato digital, com lançamento exclusivo no Social Comics. Dá uma olhada:

Thera, de Rafael Ramos, artista estreante no mercado, amante de arte e fantasia, louco por séries, jogos e fanático por RPG e histórias relacionadas. Criou o “Vida de RPGista” para a editora Devir;

Diário de um Super, de Eric Peleias, quadrinista, ilustrador e designer gráfico de São Paulo. Em 2014, lançou Ima – Sempre em Frente (Artliber) e Eu, Super (independente). Em 2015, lançaOlhos Insanos, baseada em um crime que aconteceu em São Paulo na década de 1990.

Edgar Alan Corvo, de Douglas MCT e Glauco Silva. Douglas já escreveu Turma da Mônica, roteirizou o desenho animado Galera Animal (TV Globo), participou do enredo do game Chico Bento para redes sociais, é autor do mangá Super, e dos livros O Coletor de Almas e Necrópolis. Atualmente, também dá aulas de Roteiro Multimídia em São Paulo. Glauco já desenhou as HQs The Adventure of Rudy Cool e Geeks vs Jocks, ambos para editoras da Austrália, a HQ Versus do Canadá, produziu 350 cards de super-heróis para a Marvel e atualmente está trabalhando no quadrinho Shrek para a Dreamworks. Vive em Recife;

Angus: Inferno na Pictávia, de Orlando Paes Filho, escritor consagrado que inicia seu trabalho contínuo na HQ digital. Nascido em 1962 em São Paulo, desde os 14 anos tem se dedicado à sua obra literária Angus, hoje publicada em 30 países. Com 40 anos de produção, inicia uma nova fase publicando HQs digitais em parceria exclusiva com o Social Comics.

Parceria com o Instituto Ayrton Senna

Após o anúncio da parceria há algumas semanas, o Instituto Ayrton Senna disponibiliza no Social Comics as primeiras edições do Senninha. O projeto busca resgatar toda a obra em HQs, e faz parte de um plano maior de comunicação do personagem e seus valores a um público mais jovem, que não conheceu o campeão Ayrton.

 Novas parcerias com editoras nacionais

aleph_sc

O acervo do Social Comics vai evoluir em quantidade e qualidade a partir das novas parcerias com grandes editoras do Brasil, como a Editora Mino (especializada em HQs autorais e com obras de autores como Pedro Cobiaco e Diego Sanchez), a Editora Aleph (principal no estilo de ficção científica do Brasil, que há mais de 10 anos publica grandes autores clássicos, como Isaac Asimov, Arthur C. Clarke, William Gibson, Frank Herbert e Philip K. Dick.) e a Editora Zarabatana (que lança a série Macanudo, de Liniers; as primeiras obras disponíveis no Social Comics serão Bando de Dois, de Danilo Beyruth, e A Vida de Jonas, de Magno Costa).

Nova parceria internacional com Dark Horse Comics

Uma das principais editoras dos Estados Unidos, detentora dos direitos de personagens como 300, Hellboy, Conan, Sin City, Buffy A Caça-Vampiros, Usagi Yojimbo e The Umbrella Academy, este último uma parceria do cantor Gerard Way, da banda My Chemical Romance, com o consagrado brasileiro Gabriel Bá – a primeira obra da editora a integrar o catálogo na plataforma Social Comics, em parceria com a Editora Devir.

Parceria Social Comics e Mauricio de Sousa Produções

msp_sc

Ícone dos quadrinhos nacionais, a Mauricio de Sousa de Produções inicia uma grande parceria com o Social Comics e disponibiliza, primeiramente, as revistas da Turma da Mônica no Cinema e o selo adulto Graphic MSP, com histórias inovadoras de renomados artistas do mercado nacional.

Para mais informações sobre o Social Comicsclique aqui.

Deixe uma resposta