[ NOTA DO EDITOR ] O ProcrastiNATION agora tem uma parceria com o Vooozer, uma plataforma de áudio criada especialmente para você ouvir os nossos posts ao invés de ler, que pode ser mais uma maneira incrível de procrastinar. É só clicar no play logo abaixo para ouvir este post.

 

Eu sei o que você está pensando. Eu também estava até ler. Claro que é uma teoria da conspiração, mas como eu gosto de teorias, achei essa bem inventiva. Na verdade a teoria está circulando no Reddit e faz bastante sentido depois que você lê ela toda. Eu vou colocar à seguir uma tradução livre da teoria e das explicações que fazem tanto sentido (ou não).

Essa teoria, tenta estabelecer que Jar Jar Binks, ao contrário do que se imagina, não é o imbecil que a gente vê na tela. Na verdade ele é um usuário da força muito habilidoso em artes marciais e controle da mente.

Além disso, podemos afirmar que ele não é, assim como a maioria das pessoas assumiu, uma ferramenta política de Palpatine. Ao invés disso ele e Palpatine talvez fossem cúmplices desde o início, sendo possível até mesmo que Palpatine fosse seu lacaio, quase como um testa de ferro, através das duas trilogias.

Para completar, dada a teoria, vou dizer por que não só é possivel como plausível que Jar Jar tenha um impacto nos novos filmes.

Jar Jar Binks, o guerreiro marcial

Primeiro vamos estabelecê-lo como um guerreiro habilidoso. O que não diz necessariamente que há uma conexão com a Força, mas é altamente sugerido que, no universo de Star Wars, personagens “normais” não tem habilidades extraordinárias, a menos que sejam Jedi, Sith ou sensitivos à Força.

E aí, de cara temos Jar Jar fazendo isso:

Belo salto para um idiota absolutamente "normal" não?

Belo salto para um idiota absolutamente “normal” não?

Agora, vamos tirar de contexto. Se você está assistindo Star Wars e vê um personagem fazendo um movimento desse, você provavelmente pensaria que ele é um Jedi, ou tem algum super poder. No contexto do filme não, por que o resto das atitudes provam que ele é um imbecil inofensivo, com um discurso de “Leão covarde”.

 

Ele também consegue convencer que é um imbecil durante as batalhas em que ele participa, mesmo que ele inexplicávelmente sempre tenha sucesso. Seja desmontando um tanque, soltando uma barragem de boombas na linha de frente, ou consiga derrubar vários inimigos com um blaster preso no seu… tornozelo. A saída mais fácil, claro, é virar os olhos com aquele bicho idiota e considerar que foi sorte.

Mas temos outro indício, vindo diretamente de um aviso de Obi Wan, em Uma Nova Esperança:

Y233Zgb

Essa é uma das razões principais de os fãs odiarem tanto o personagem. Ele quebra a quarta parede, manda a suspensão de descrença da platéia lá pra PQP, pelo simples motivo de que NINGUÉM tem tanta sorte. Sem contar o fato de que é mais do que clichê o fato de o patetão salvar o dia por acaso.

Mas, se isso for uma faceta criada propositalmente para o personagem pelos escritores e animadores. Como todos nós sabemos, os Jedi foram inspirados em samurais e monges budistas. E existe um tipo particular de kung-fu que combina PERFEITAMENTE com o jeito pateta de Jar Jar, chamado Zui Quan ou Estilo do Punho Bêbado, que procura imitar movimentos de um bêbado, quando na verdade o lutador usa o corpo e os movimentos aparentemente inofensivos pra chutar a bunda dos oponentes. Jackie Chan já usou isso de monte nos filmes dele.

 

Quer um Exemplo?

IdealisticFragrantHyena

IdealisticFragrantHyena

E isso foi só um exemplo, dá pra encontrar vários outros ao longo de A Ameaça Fantasma.

Tá, mas você pode contra-argumentar dizendo que Binks é uma espécie de mestre secreto do Estilo do Punho Bêbado, ainda sim não faz dele um usuário da Força, correto?

Bem, de fato, o personagem é estabelecido bem ao contrário de um mestre marcial, mas mestres de artes marciais geralmente disfarçam quem são na verdade, o que talvez seja um indício de que ele é mais do que aparenta.

Em “A Ameaça Fantasma” Jar Jar e os Jedi emboscam os droides e resgatam a rainha e seu séquito. Jar Jar “acidentalmente” aborta o salto da sacada. Alguns frames depois a gente vê ele saltando para o lado contrário da sacada, ato que deveria ser bem inexplicável sem o uso da Força de alguma forma. Olha só:

IdealisticFragrantHyena

 

Você pode ver que ele meio que desiste do salto, se agarrando de novo no parapeito, lá no canto direito. Na sequência da cena ele cai da extrema esquerda da sacada. Claro que pode ser um erro de continuidade do filme, mas se for assim, por que diabos os droides continuam mirando na posição inicial de Jar Jar?

O dróide que vem vindo bem atrás da vítima que Qui-Gon chega fatiando? Porque caralhos ele estaria atirando aonde o Jar Jar estava? E porque caralhos ele acompanha com a cabeça essa possível acrobacia e tenta atirar na nova posição onde o Gungan está? Movimento rápido não? ele sai de uma ponta pra outra da sacada num malabarismo praticamente inexplicável.

Mas o que aconteceu então? Jar Jar fez o movimento de propósito, para atrair a atenção dos inimigos e usando a força em seguida para dar um salto de um lado a outro da sacada e aterrisando em outra posição. Pode me chamar de maluco, mas você já viu esse movimento antes:

IdealisticFragrantHyena

 

Jar Jar Binks, o mestre do controle mental

A razão pela qual os fãs odeiam o Jar Jar Binks é bem clara. Além de ser um alívio cômico bem do ruim, ele ainda influencia os maiores e mais importantes pontos do roteiro. A gente odeia o personagem por que ele acaba com qualquer suspensão de descrença. O filho da puta mexe com a nossa noção de “realismo”. Dois embaixadores Jedi NUNCA iam trazer alguém tão estúpido quanto ele para uma missão. Um idiota como ele não seria feito general. Ele certamente não seria eleito senador (talvez aqui no Brasil, mas esse não é o ponto). Como um cara como ele simplesmente convence a galáxia INTEIRA a abrir mão da democracia?

Esses pontos chave são versões políticas da sua “sorte física”. Tudo parece sem querer, infantil e inocente e simplesmente dá certo, sempre dá certo. Difícil de comprar, não? E se essa ascensão meteórica não fosse sem querer? E se a influência inexplicável dele fosse fruto de uso de poderes mentais e truques?

Tanto Jedi como Sith conhecem técnicas para o controle mental, implantar sugestões ou influenciar o comportamento de alguns seres. E quando fazem isso, sempre gesticulam e nem sempre de maneira sutil. Ah, sim, não esqueçamos dos exemplos:

IdealisticFragrantHyena

LameImmaterialEwe

 

Na real, se você assiste a prequel com isso em mente, que Jar Jar é um personagem manipulador, frio, calculista e um vilão filho da puta, você começa a perceber como ele é traiçoeiro, sutil e como ele influencia todas as sequências do filme em que ele está envolvido.

Por exemplo, quando ele engana os Jedi e os convence a viajarem pelo núcleo do planeta, para que sua presença fosse necessária. Ele causa em Tattoine, para que o grupo encontrasse Anakin. Fica constantemente provocando Qui-Gon pelas costas, mas para que Anakin pudesse ver e dizendo para uma criança de 8 anos que a rainha é “uma belezura” (ou pretty hot, no original), deixando aquilo na cabeça do menino, situação já explorada mais pra frente. E se procurar a gente acha mais.

yXgDgaFAgora que eu já dei um monte de evidências que ele é mais do que aparenta, só podemos chegar a conclusão que ele e Palpatine estavam unidos nessa conspiração. Se Jar Jar está tão empenhado em fazer parecer que é um idiota, significa que ele não é um idiota, logo isso significa que as ações dele que facilitam a ascensão de Palpatine ao poder não são mero acaso. São uma parceria.

Se você se lembra bem, Palpatine e Jar Jar vem do mesmo planeta, o que em Star Wars significa praticamente serem vizinhos de porta. É totalmente possível que eles já se conhecessem antes dos eventos de A Ameaça Fantasma. Talvez tenham treinado juntos ou um treinado o outro. E Naboo é um lugar estranho o suficiente para termos Holocrons Sith escondidos e coisas do gênero, ainda mais para um Gungan que foi expulso da própria vila por que criava “altas confusões”. Quem não se lembra das estátuas bizarras meio hindus com um terceiro olho?

Mas é claro que isso tudo não passa de especulação. Vamos ficar com os fatos que nós já temos. Mesmo antes de Palpatine ser eleito como Supremo Chanceler, vários anos antes de Jar Jar ter sido supostamente enganado e levado a elegê-lo, ele já fazia parte daquele séquito que acompanhava o futuro Imperador em “A Vingança dos Sith”. Pensando pelo lado de Palpatine, seria bem estranho que um cara que não tem nenhuma relevância política ali, junto com pessoas importantes da República. Por mais que ele fosse o Senador de Naboo. Não faz sentido que ele seja uma das mãos direitas da pessoa mais poderosa da galáxia.

A menos que a pessoa mais poderosa da galáxia seja ele, Jar Jar Binks.

Mais um plano de George Lucas?

21-george-lucas1

Tá, agora que eu já escrevi um post gigante, é uma teoria da conspiração bem engraçada, divertida e tal, mas por que George Lucas ia se importar em criar um personagem assim? Um Gungan com um passado e uma trama bem conspiratórias pra nada. Só pra largar (mais uma) ponta solta? De graça?

Olha só o que ele diz em um documentário, sobre o Mestre Yoda:

“Yoda realmente vem de uma tradição das histórias de mitologia/contos de fadas, do herói que encontra uma pequena criatura pelo caminho, que parece bem insignificante e nada importante, mas que se revela um feiticeiro ou um personagem com grande sabedoria e poder.”

Por tudo que a gente sabe até hoje e viu, Lucas tentou na prequel emular situações semelhantes às da saga original, ao menos em termos de narrativa e não seria nada inesperado se tivessemos um personagem aparentemente bufão, que fosse bem mais do que aparenta, se revelando uma peça importante do roteiro. Nós temos essa criatura que se encaixa perfeitamente, mas ele nunca se revela nada além de um imbecil mesmo.

Aqui entra um ponto curioso da teoria do Reddit: A intenção no início era de que Jar Jar inicialmente seria o equivalente do Lado Sombrio ao Mestre Yoda. Assim como, ao encontrar com Luke, ele era aquele velhote meio gagá que no fim se revelou um truque, Jar Jar talvez fosse essa surpresa na manga no Episódio II ou III, onde ele se mostraria como realmente é: Um Sith, manipulador, frio e calculista, agindo em parceria, controlando e/ou até mesmo mestre de Palpatine.

 

Mas na hora do vamos ver, George Lucas mudou de idéia. A reação ultra-negativa dos fãs com relação ao personagem foi tão grande que este aspecto da história foi simplesmente deixado de lado. Seria muito arriscado colocar toda a saga em perigo por um vilão. Ainda mais esse tipo de vilão. Então ele acabou ficando só como um alívio cômico (fracassado) da história.

Isso também explica o porquê Dookan é um personagem tão sem sal. Um Lorde Sith sem um background definido, que foi escrito meio às pressas para preencher os buracos em que Jar Jar seria, de fato, o vilão. O Duelo de Yoda com a sua contraparte sombria seria justamente o momento da revelação de Jar Jar como Darth Tyranus e sobreviveria para contar a história, talvez colocando aquela sombra por toda a saga. Todos nós reassistiríamos sabendo que Palpatine se tornou imperador, mas a mão fantasma do poderoso Sith está lá, manipulando eventos de alguma forma.

Óbviamente isso é uma teoria da conspiração, que por mais que faça sentido, é no mínimo maluca. Mas esse plot ainda pode ser aproveitado para a nova trilogia (e eu espero que sem o Jar Jar).

Olhando de fora, parece que a Disney quer distanciar ou desassociar a nova trilogia das prequels, mas isso não faz muito sentido, do ponto de vista do marketing ou até mesmo econômico. É um período que ainda permite muitas histórias e muito material, se você considera só o período das Guerras Clônicas. Imagine quantos bilhões de dólares a Disney ainda vai faturar em brinquedos, filmes, séries, desenhos, quadrinhos, games, atrações em parques temáticos. Afinal, eles não gastaram 4 bilhões comprando a franquia para fazer só mais três filmes, por que nós somos fãs maravilhosos, eles gastaram pra ganhar pelo menos 10x isso e arrancando nosso precioso dinheirinho.

Na verdade, acho que o plano é tentar fazer as pessoas perderem esse ranço que alguns fãs tem com relação às prequels, mesmo que retroativamente, criar mais coisas daquela época e melhorar o quanto for possível. Começar esse link em O Despertar da Força parece bom, não?

Screenshot-2015-05-28-at-1.15.20-PM

Como eu disse logo aqui em cima, é só uma teoria da conspiração, e ninguém com um mínimo de juízo toparia reutilizar o Jar Jar Binks como a face de todo o mal, até por que ele é a face de tudo que há de errado com as prequels. Nem como personagem ele faz muito sentido hoje. Mas se você assistir novamente aos filmes, imaginando que isso é verdade, você vai ter uma nova perspectiva dos eventos.

Eu pensava que a ameaça fantasma do Episódio I era o Palpatine, mas se você olhar sob essa ótica a ameaça fantasma era o Jar Jar e quer saber? O (não tão) idiota ainda está por aí!

Digo mais: Todo mundo sabe que existe uma sombra que paira por trás dos vilões, o tal Supermo Líder Snoke, interpretado por Andy Serkis. Nada foi divulgado sobre ele. Quando ele aparecer finalmente, quero ver a cara de vocês se ele for um Gungan ou até mesmo algo parecido! HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA

 

One Response

Deixe uma resposta