Se você não anda desconectado do mundo nos últimos seis meses, certamente sabe que Marvel e Sony firmaram um acordo para utilizar o Homem-Aranha em parceria no cinema (esperamos que da maneira certa).

Isso não é notícia, muito menos novidade, já que ele está confirmado em Guerra Civil que estréia ano que vem e teremos um filme solo do Amigão da Vizinhança em dois anos, ou seja, hora de colocar a roda em movimento, o que significa que teremos cada vez mais informações sobre esse filme!

E que oportunidade melhor para fazer certo com o Aranha dessa vez? Os dois primeiros filmes do Sam Raimi e do Tobey Maguire são muito legais, mas cara, às vezes dava pra jurar que aquele não era o Peter Parker, principalmente no terceiro filme. Por outro lado, os dois filmes que vieram depois, com a direção do Marc Webb, mandaram bem na relação Peter/Gwen, mas todo o resto foi uma merda. Uma merda foda. Então nós separamos por aqui 5 coisas que a gente acha que podem melhorar pro futuro do nosso Amigão da Vizinhança nos próximos filmes:

5 – Chega de origem

1339179779-2988214426

Isso é sério. Eu duvido sériamente que tem alguém no planeta Terra que não sabe como Peter Parker ganha seus superpoderes. É que nem o Batman. Por mais que seja reboot, a origem já foi contada em TODAS as mídias, incluindo no cinema.

Com o gênero de super-heróis fincando o pé no cinema, tem gente por aí que precisa muito mais de uma história de origem, tipo Homem-Formiga, Inumanos, Pantera Negra, Doutor Estranho e praticamente todos os filmes que vem por aí da Marvel, tirando Vingadores (que também já tiveram suas origens contadas no cinema). É absolutamente desnecessário.

O que vai atrair o público são novas histórias. Como sempre tem um perdido, aquela recapitulada na introdução do filme seria até legal, meio que nem foi pro Hulk, mas ver o Tio Ben empacotar DE NOVO, é no mínimo perda de tempo.

4 – Sem Glamour

spider_man_and_gwen_stacy-1680x1050

O mundo do Homem-Aranha não é bonito. Ele é um fudido, que tem um sub-emprego, ganha pouco, só se fode, tá cheio de conta pra pagar e ainda tem que cuidar da Tia May e levar a vida dupla como vigilante em Nova York. Claro que não precisa ser tenso e sombrio que nem o almofadinha Nolan adora fazer, mas apesar de ele ser o Espetacular Homem-Aranha, a vida do Parker é qualquer coisa menos espetacular. Ele não é o Superman (ainda bem) que rasga a camisa toda vez q vai partir pra ação, mostrando o símbolo dele com aquele peito de pombo gigante. O Aranha vai é se tropeçando todo enquanto se troca em algum beco.

A vida do Aranha é tão merda, que ao voltar pra pegar as roupas, é capaz de algum mendigo ter levado o pacote. Quando rasga, ele mesmo costura de novo. Caramba ele já enfiou um saco de mercado na cabeça e se passou por Homem-Vergonha, por que não tinha jeito.

3 – As pessoas em geral ODEIAM o Homem-Aranha

Spider-Man delivers the debut trailer for Columbia Pictures' "The Amazing Spider-Man 2," starring Andrew Garfiled and Emma Stone.

Isso é verdade. As pessoas de NY em geral não gostam do Aranha. Aquela cena em Espetacular Homem-Aranha 2, em que ele enfrenta o Electro com toda Manhattan se reuníndo pra acompanhar a luta, como se fosse uma luta de UFC é tão ridícula que eu não tenho nem como descrever. A opinião pública não é a favor dele, muito por culpa do Clarim Diário.

O Universo Marvel nos cinemas já tem seus ícones, heróis respeitados que salvaram o mundo da invasão Chitauri, já ganharam a confiança e que tem uma boa imagem perante o público. O Aranha é um vigilante, uma coisa totalmente à parte, um dos poucos nesse universo que realmente tem uma identidade secreta. E é justamente isso que faz com que as pessoas questionem suas motivações e origens.

 

2 – J.K. Simmons ou nada

spiderman-ii-2004-78-g

Pode falar o que você quiser. J.K. Simmons É o J. Jonah Jameson. Parece que ele nasceu pra esse papel. Não precisa ter J.J Jameson se for outro ator. Isso sem falar que o papel dele em direcionar a opinião pública contra o Aranha é crucial, afinal de contas a culpa é principalmente dele, o Editor-Chefe do Clarim Diário.

Nos filmes de Marc Webb ele simplesmente não apareceu. Rolou só uma menção através de um e-mail, mas é meio inevitavel, o Aranha e o MCU precisam do JJ. e o JJ precisa ser o J.K. Simmons.

1 – Um vilão por filme

amazing spider-man-2 poster

Por alguma razão desconhecida, executivos de Hollywood acham que quanto mais vilões, maior e mais impressionante é o filme, quando na real é o oposto. O filme fica corrido, bagunçado, ninguém consegue acompanhar arcos de origem de cada vilão, mais a interação com o Aranha e o próprio arco do herói em um filme de duas horas. Seja lá qual for o vilão, é mais tranquilo focar em um só. Todas as batalhas 1×1, com Duende Verde, Octopus e até o Lagarto naquele filme esquecível, foram melhores do que aquela confusão visual de Homem-Aranha 3, que tem tanto vilão que um atrapalha o outro, na tentativa de descobrir quem é o mais perverso. O que eles conseguiram sim foi transformar aquele no pior filme EVER do Aranha.

A conta nem é difícil, a gente só precisa de um cara, com motivações claras pra odiar. Só isso.

About The Author

Designer, publicitário, nerd desde sempre, guitarrista frustrado e ficando cada dia mais careca. Fã de quadrinhos, tecnologia, pizza, Rock e chegado em jogar videogame quando não tem nada melhor pra fazer. Alguns diriam que eu sou um hipster daqueles, mas não uso óculos (ainda).

Related Posts

Deixe uma resposta