Anunciada ontem, a nova minissérie de Star Wars, Forces of Destiny narrará algumas aventuras das grandes personagens femininas da saga, como Rey, Leia, Jyn e Padmé. A Série que à princípio será lançada exclusivamente no canal do Youtube da Disney contará com oito curtas exibidos à partir de julho e depois com mais oito episódios que serão exibidos no Disney Channel. Cada episódio terá 3 minutos e serão todos assinados por Jennifer Muro. O Story Group da Lucasfilm e Dave Filoni, produtor executivo das animações Clone Wars e Rebels, também está envolvido no projeto. Todas as personagens femininas da saga terão seu momento, já que a série também incluirá Sabine, Ahsoka e Hera (das animações Clone Wars e Rebels).

Várias atrizes retornam aos seus personagens: Daisy Ridley (Rey), Felicity Jones (Jyn Erso) Lupita Nyong’o (Maz Kanata), Ashley Eckstein (Ahsoka Tano), Tyia Sicar (Sabine Wren) e Vanessa Marshall (Hera Syndulla). A Princesa Leia será dublada por Shelby Young e Padmé Amidala será dublada por Catherine Taber, sua voz em Clone Wars.

Se você aí está pensando se essas histórias fazem parte do cânon de Star Wars, sim, fazem. Algumas heroínas aparecerão juntas e irão interagir, mesmo que sejam de eras diferentes, mas tudo que está ali, é sim parte do Universo Expandido, segundo Carrie Beck, produtora executiva e membro do Story group da Lucasfilm.

O anúncio, que foi feito pela Entertainment Weekly em primeira mão, ainda deve ganhar mais algumas novidades à partir de hoje, durante a Star Wars Celebration.

Star Wars – Forces of Destiny segue uma corrente de outras franquias, que criaram materiais e histórias especiais para atrair mais fãs femininas que não estão habituadas com o universo em questão, como por exemplo a série DC Superhero Girls que reúne os personagens em uma escola, com uma pegada meio Super Malhação. A Lucasfilm preferiu uma mudança de ambiente que não fosse drástica como uma escola intergalática ou um acampamento espacial. Os personagens irão se manter no mesmo universo dos filmes, séries e livros que nós já conhecemos. Segundo Beck: “Não importa quem você seja, ou quão jovem seja, você quer se sentir parte do mesmo universo que seus pais amam, que seus amigos amam. Você quer ser parte daquilo”.

Legal, mas e as aventuras?

Narrados por Maz Kanata, os contos em Forces of Destiny passam por todas as épocas de Star Wars. Uma das histórias, por exemplo, envolve Rey enfrentando o sucateiro Teedo para proteger BB-8, a caminho do Entreposto Niima, onde ambos encontraram Finn. Outro conto, envolve um Verme noturno, devorador de sucata, mas com uma preferência gastronômica por astromechs, modelo BB. Teremos a Millenium Falcon, Han Solo, Chewie e Rey tentando desarmar um rastreador escondido na nave por Unkar Plutt.

A Princesa Leia terá o seu conto logo antes da Batalha de Hoth, junto com C-3PO, R2-D2 e Chewbacca, enfrentando um perigoso Wampa que está à solta dentro da base Rebelde.

Rebels irá se misturar diretamente com os filmes, já que irá mostrar Sabine e Chopper durante a sua estadia na base Rebelde de Yavin IV, presente tanto em Rogue One, quanto em Episódio IV – Uma Nova Esperança. A Caçadora de Recompensas Ketsu Onyo, amiga de Sabine também terá uma participação, embora ainda não esteja convencida da ideia de se tornar uma Rebelde.

Hera Syndulla irá se juntar à Princesa Leia e Han Solo durante uma aventura na lua florestal de Endor. Claro que a Lucasfilm não deu detalhe nenhum, mas essa aventura incluirá o grupo rebelde e adoráveis (ou nem tanto) criaturinhas peludas com armas primitivas. E se tudo isso é cânon, eu acho que esse deve ser o episódio mais interessante para nós fãs, não?

Temos brinquedos? Sim!

Olhando para o passado, tanto em O Despertar da Força, quanto em Rogue One, pudemos notar que tanto a Rey, quanto a Jyn Erso colecionam brinquedos.

Como tudo nos US and A (não estou reclamando), Forces of Destiny será acompanhado por uma linha de brinquedos da Hasbro! (TODOS COMEMORA). Essa linha está mirando um público mais feminino, mas eu tenho certeza que vai ter muito marmanjo por aí comprando essas figuras (Eu incluso).

As figuras vão misturar bonecas que lembram a linha Monster High, com roupas de tecido, cabelo e tal com acessórios e movimentos de ação. Por exemplo, a Rey, ao ser apertada nas pernas, balança o seu Sabre de Luz. Nos EUA, a linha vai variar entre $20 e $30 dólares. As figuras ainda incluem roupas adicionais e algumas vem com outros personagens. Rey vem acompanhada de BB-8, A Leia vem com R2-D2 e Luke Skywalker vem acompanhado do Mestre Yoda. A linha ainda conta com um Chewbacca deluxe, todo coberto de pelos.

A questão da inclusão

Resumo da ópera: Forces of Destiny está mirando nos fãs mais novos, mas especialmente garotas que não se sentiram incluídas no fandom num primeiro momento. Claro que o resultado esperado é atingir mais faixas etárias e pessoas, e é sobre como tornar Star Wars relevante para alguém que não está familiarizado com nada daquilo, sem excluir quem faz parte do universo. São novos pontos de acesso focados em crianças, que não exigem que você conheça qualquer coisa sobre Star Wars previamente. Para aqueles que já fazem parte ainda existem surpresas, descobertas e conexões totalmente inesperadas. Os Easter Eggs estarão todos por aí, segundo Paul Southern, chefe da seção de Licenças da Lucasfilm.

Isso tudo também vem como uma resposta à controvérsia que tomou as redes sociais na época do lançamento da linha de colecionáveis de O Despertar da Força, onde os colecionadores acharam que haviam muito poucos produtos da Rey, e acabou evoluindo para uma polêmica sobre alguns fãs acharem que o protagonismo das personagens femininas estava muito grande nos novos filmes, falta de brinquedos da Viúva Negra e todo aquele veneno que só a internet sabe destilar.

Forces of Destiny está aí, é um esforço da Lucasfilm para colocar as suas personagens femininas em destaque, mas isso não significa que são apenas histórias para garotas. Até porque a internet pode reclamar o quanto ela quiser, já que Star Wars trouxe um dos primeiros exemplo de personagem feminina forte nos cinemas, então sempre foi uma parte importante do universo Star Wars. Confere aí um pequeno preview:

Deixe uma resposta